07 nov 2016 ID: 83543

HONDA CRF 250 RALLY 2017

HONDA CRF 250 RALLY 2017

 

Actualização do modelo: A CRF 250 RALLY está pronta para um fim-de-semana de aventura, uma viagem para um lugar distante ou para as voltas do dia-a-dia, graças às suspensões de longo curso, aos discos de travão de maiores dimensões e com ABS, à excelente protecção contra os elementos inspirada na CRF450 RALLY e a uma autonomia excelente. As performances do motor oferecem uma combinação de binário sólido em baixa e potência abundante a alta rotação.

17YM CRF250 Rally

 

Conteúdo:

1. Introdução

2. Generalidades do modelo

3. Características principais

4. Especificações técnicas

 

 

1. Introdução

 

Uma moto "dual purpose" de 250 cm³ abrange diversos tipos de utilização: escapa-se facilmente pelo meio do trânsito congestionado da cidade, graças ao seu baixo peso, dimensões reduzidas e maneabilidade soberba, enquanto a sua suspensão, distância ao solo e altura do banco oferecem uma condução divertida nas estradas de pisos mais degradados ou em fora-de-estrada. E eis que se abre uma nova perspectiva de transporte em duas rodas, independentemente da experiência do condutor.

 

Com um ADN herdado directamente da CRF 450 RALLY Dakar do HRC, a CRF250 RALLY apresenta algo de novo ao mercado. Para além de parecer estar pronta a entrar numa qualquer prova do deserto, é uma moto que oferece um verdadeiro gosto de aventura a quem optar por uma moto de baixo peso e fácil de conduzir. Pelo mundo fora ou aqui nas redondezas, a CRF250 RALLY está pronta a partir.

 

Nas palavras de Eiji Sugiyama, Líder do Projecto da CRF250 RALLY de 2017:

 

"O segmento de réplicas rally racer é muito entusiasmante, com a atracção global e humana que representa tudo o que a Equipa do HRC tenta conseguir no Rally Dakar. O nosso intuito foi aumentar as prestações da CRF250L e abrir novas oportunidades para condutores jovens e de mais idade. Assim, com a CRF 250 RALLY, o nosso objectivo foi fabricar uma moto semelhante à CRF450 RALLY HRC, que fosse fácil de conduzir tanto na estrada como fora dela para as aventuras do fim-de-semana, confortável nas viagens mais longas e prática para uma utilização diária. Este modelo traz o espírito das provas de Rally para a vida de todos os dias."

 

Honda CRF250 RALLY – Aventura para o Fim-de-semana!

 

 

2. Generalidades do modelo

 

A CRF250 RALLY tem por base o modelo CRF250L e acrescenta toda uma gama de alterações que a tornam uma proposta única no mercado. A inspiração estilística vem directamente da CRF450 RALLY HRC. À frente, o pára-brisas "flutuante", a carenagem e as protecções do radiador protegem contra o vento, com o resto da moto a demonstrar um estilo MX minimalista. Os faróis assimétricos são de LEDs, tal como os piscas de direcção.

 

O depósito de grandes dimensões permite aumentar a autonomia e o novo painel de instrumentos digitais inclui indicador de nível de combustível e conta-rotações. As suspensões de longo curso e a elevada altura ao solo melhoram as capacidades off-road; o disco dianteiro flutuante de grandes dimensões – com ABS que pode ser desactivado atrás – toma conta da travagem. O motor EURO4 oferece binário sólido a baixa rotação e potência substancial a alto regime graças às alterações introduzidas na unidade original da CRF250L; estas incluem revisões no sistema PGM-FI e na rampa de aceleração, uma nova caixa de ar, tubos de ligação e escape de baixo peso.

 

 

3. Características principais

 

3.1 Estilo e Equipamento

 

A CRF250 RALLY foi pensada para percorrer grandes distâncias e o seu estilo reflecte isso mesmo. Derivadas dos componentes que equipam a CRF450 RALLY, peças tais como o pára-brisas "flutuante", as carenagens superior e inferior e os resguardos laterais protegem eficazmente o condutor, oferecendo um escudo excelente contra os elementos. Os resguardos dos punhos aumentam mais o conforto e protegem mãos e manetes.

 

Do meio para trás, o estilo é puro MX, com os painéis lateral e a ligação depósito/banco a ajudarem o condutor a mover-se à vontade. A protecção de cárter impede danos na parte de baixo da moto e a ponta do pedal das mudanças é articulada. O banco tem 985 mm de altura, mais 20mm que na CRF250L.

 

À frente, os faróis duplos assimétricos de LEDs são compactos e o farolim traseiro, os piscas de direcção de LEDs e o suporte da chapa da matrícula não são intrusivos. Com uma disposição coesa, os instrumentos incluem velocímetro, conta-rotações, indicador do nível de combustível e relógio.

 

O depósito de 10,1 litros (incluindo 1,6 de reserva) oferece uma autonomia superior a 320 km à custa dos consumos muito reduzidos (apenas 3,03 l/100 km, em modo WMTC ). O tampão do depósito é plano e abre por dobradiça, aumentando a funcionalidade.

 

A CRF250 RALLY está disponível de base em vermelho Extreme, a cor das motos de competição da Honda, com acentuações a preto e branco inspiradas nas motos de fábrica do HRC.

 

3.2 Ciclística

 

O quadro da CRF250 RALLY é fabricado em aço, com traves principais de secção oval e um semi-berço duplo. A distância entre eixos de 1.455 mm é complementada por 28,1° de inclinação da coluna da direcção e 114 mm de eixo de arraste (trail), com 270 mm de altura ao solo (mais 15 mm do que na CRF250L). O peso em ordem de marcha é de 157 kg.

 

A nova forquilha invertida Showa de 43 mm partilha os mesmos 250 mm de curso que a sua irmã, mas com mais 50 mm de comprimento. Rígida e de baixo peso, um dos lados aloja a mola e o outro oferece o controlo do amortecimento. A taragem da mola e o amortecimento foram optimizados para dar à CRF250 RALLY aspirações mais aventureiras e de longa distância. A roda dianteira com eixo de 17 mm (2 mm maior) oferece mais resistência e melhor condução.

 

A suspensão traseira Pro-link apresenta um curso de eixo de 265 mm, mais 25 do que a CRF250L, com revisão ao nível das performances para maior conforto. O amortecedor traseiro é Showa, num design monotubular com 40 mm de diâmetro.

 

O braço oscilante em alumínio e perfil cónico é um fabrico monobloco por fundição, oferecendo o equilíbrio correcto entre rigidez e massas não suspensas. O casquilho de afinação da corrente é em alumínio extrudido.

 

Para maior potência de travagem, o disco ondulado flutuante tem 296 mm e pinça de dois êmbolos. O ABS de dois canais é equipamento de série e pode ser desactivado na pinça traseira.

 

As jantes elegantes em Alumite preto (21 polegadas à frente e 18 atrás) definem as intenções da CRF250 RALLY; os pneus do tipo enduro têm tacos e medidas de 3,00-21 51P à frente e 120/80-18M/C 62P atrás.

 

3.2 Motor

 

O motor da CRF250 RALLY é uma unidade monocilíndrica de 250 cm³, duas árvores de cames à cabeça (DOHC) e refrigeração por líquido, com um foco nas performances, tanto a baixa rotação, com elevado binário, como na potência a alto regime, numa entrega linear. O pico de potência de 25CV (18,2 kW) surge às 8.500 rpm, com pico de binário de 22,6 N·m aparecer às 6.750 rpm.

 

O sistema PGM-FI alimenta a rampa de injecção de 38 mm e aspira o ar directamente através de um tubo de ligação. O escape tem 115 mm de diâmetro, um catalisador e duas câmaras. O colector de grande diâmetro ajuda o motor a respirar melhor oferecendo mais potência.

 

O conjunto de válvulas é compacto, tal como a cabeça do motor e usa balanceiros de rolete, com um cilindro de 76 x 55 mm em termos de diâmetro e curso do pistão. O facto de o cilindro ser descentrado reduz as perdas por atrito e o pistão tem um material especial na superfície e um tratamento de molibdénio. A bomba de óleo tem uma estrutura interna que evita a gaseificação do óleo descarregado.

 

O moente da biela na cambota possui meios-bronzes em metal e instalação por prensa e os apoios da cambota recorrem a casquilhos em ferro fundido, para menor peso e suavizando o funcionamento do motor, por acção da expansão térmica.

 

Um veio de equilibrio anula as vibrações de primeira ordem e o conjunto caixa de seis velocidades/embraiagem são fabricados para suportarem o esforço acrescido da condução fora-de-estrada. O radiador com 10,7 kW capacidade de libertação térmica possui uma ventoinha de refrigeração de anel-guia fino, mantendo o motor nos seus parâmetros de temperatura com a moto a baixa velocidade.

 

A CRF250 RALLY cumpre a norma EURO 4.

 

 

 

4. Especificações técnicas

 

MOTOR

 

Tipo

Monocilíndrico, DOHC, refrigeração por líquido

Cilindrada (cm³)

250 cm³

Nº de válvulas

4

Diâmetro ´ Curso (mm)

76,0 x 55,0

Relação de compressão

10,7 : 1

Potência máxima

25CV (18,2 kW)/8.500 rpm

Binário máximo

22,6 N·m/8.500 rpm

Capacidade de óleo

1,8 litros

SISTEMA DE COMBUSTÍVEL

 

Alimentação

Sistema PGM-FI

Capacidade do depósito

10,1 litros

Consumos

33,3 L/100 km (3,03 L/100 km)

SISTEMA ELÉCTRICO

 

Arranque

Eléctrico

Capacidade da bateria

12 V-7 AH

Potência do alternador

324 W/8.500 rpm

TRANSMISSÃO

 

Tipo de embraiagem

Húmida, multi-discos

Tipo de transmissão

6 velocidades

Transmissão final

Por corrente

QUADRO

 

Tipo

Dupla trave em aço

CICLÍSTICA

 

Dimensões (C x L x A)

2.210 x 900 x 1.425 mm

Distância entre eixos

1.455 mm

Ângulo do avanço

28,1°

Eixo de arraste (Trail)

114 mm

Altura do banco

895 mm

Altura ao solo

270 mm

Peso em ordem de marcha

157 kg

Raio de viragem

2,3 m

SUSPENSÃO

 

Dianteira

Forquilha telescópica invertida de 43 mm

Traseira

Pro-link

RODAS

 

Dimensões da jante dianteira

21 polegadas

Dimensões da jante traseira

18 polegadas

Pneu dianteiro

3,00-21 51P

Pneu traseiro

120/80-18M/C 62P

TRAVÕES

 

Tipo de ABS

2 canais

INSTRUMENTOS E SISTEMA ELÉCTRICO

 

Instrumentos

Digital

Farol

LEDs

Farolim

Lâmpada

 

Todas as especificações são provisórias e ficam sujeitas a alterações sem aviso prévio.

 

Método WMTC - Os valores indicados de consumo são resultados obtidos pela Honda, em condições de teste uniformizadas, tal como prescrito pelo método WMTC. Os testes foram realizados em estrada aberta usando a versão base do veículo, só com o condutor e sem equipamento opcional adicional. Os consumos reais de combustível podem variar de acordo com a forma como conduz, como é efectuada a manutenção ao seu veículo, com as condições atmosféricas, as condições da estrada, a pressão dos pneus, a instalação de acessórios, a carga, o peso do condutor e do passageiro e outros factores.

 

 

 

31 Total de Itens
Material de media não disponível
1 Noticias relacionadas
30 Imagens relacionados